#NYFW- Favoritos Inverno 2015.

ck

Oficialmente aberta a temporada de Inverno 2015 e com o fim da primeira etapa, a NYFW, eu vim trazer meus favoritos da semana nova iorquina. Pequeno resumo do que já podemos antecipar: Comprimento midi em shape mais ajustado, xadrez em todas suas versões do vichy ao tartan, militarismo, o mood é uma mulher forte e provocante, elementos masculinos contrapostos a todo instante com símbolos de feminilidade. Nos modelos noturnos, os tecidos com brilho imperam. A cartela de cores traz muito preto, marrom, terrosos, verde militar e toques de vermelho e burgundy. Nos calçados, botas bem pesadas tem vez, assim como a continuidade das botas cuissarde (acima do joelho), sapatos masculinos completam o time. Para bolsas, os modelos com franjas não perdem o posto e surgem nas clutches até modelos bem oversized.

3.1 Phillip Lim sempre veste as moças mais cool, dessa vez a fonte escolhida é o militar e o grunge tudo adaptado com muita sofisticação. Adorei o styling de sobreposições do look que abriu o desfile:

ny31

Alexander Wang foi para o cyber punk, estética bem construída e uma sensualidade hardcore:

nywang

 

alexwang

Altuzarra ganha quando aposta no sexy com alfaitaria que o tornou famoso e perde, quando lembra Ralph Lauren apelando para peças mais românticas com mood anos 70. Destaque para a cartela de cores de azul claro, caramelo, bordô. Os vestidos de festa usados com blusas de renda estilo vitoriano foram uma bela idéia:

nyaltuzarra

Delpozo e seu ode à arquitetura e à antiga alta costura, impossível não se encantar com o acabamento primoroso:

nydelpozo

Jason Wu seduziu com seu militar chic e bem clean:

nyjason

Michael Kors elegeu uma cartela de cores digna dos dias outonais mais lindos e investiu em uma mulher intelectual, ecos de anos 40 e 60 e uma leve homenagem de styling à Margot Tenembaum garantindo minha atenção:

nykors

J. Crew sempre válida para inspirar looks mais “reais”. Ótima sacada casar o vestido de paetês com parka:

nyjcrew

Narciso Rodriguez reproduziu o guarda-roupa dos sonhos de uma mulher 90´s, daquelas fãs de Carolyn Bessette:

nynar

Pedro Del Hierro, a marca espanhola apresentou uma coleção com o pé na era disco, mas acertou em cheio ao modernizar as peças com toques inteligentes (e funcionais) de styling. O casaco doudoune deu acabamento perfeito à calça cropped:

nypedro

A mulher austera e luxuosa da The Row, aparência sempre impecável sem demonstrar nenhum esforço:

nyrow

Victoria Beckham já fez minha coleção favorita da NYFW e não decepcionou nesta temporada, a silhueta extremamente bem pensada e fiel à mulher criada pela marca ficou ainda mais interessante. Esse look foi meu favorito pela inteligente mistura de texturas e delicado movimento da saia midi:

nybeckhamRodarte, fez um mix da era disco com traços de montaria e punk. O ponto alto foram as calças de cintura alta, shape que ganhou apelido de “cocktail pants” na Vogue americana de Dezembro por serem tão justas e só permitirem que se beba líquidos enquanto são usadas. Sexy e pouco óbvias quando usadas com peças oversized e de apelo masculino:

nyrodarte

Salvando o melhor para o final: Francisco Costa para Calvin Klein não costuma figurar entre meus favoritos, mas desta vez fez a melhor coleção da semana, na minha opinião. Segurei o post até o último dia em função de Marc Jacobs (que fez ótimo desfile, mas não me apaixonei). A grande surpresa foi Calvin, junção perfeita entre anos 70 e a estética minimalista tão inseparável da marca. Desejo de usar todas as peças:

nyck

Fotos: Vogue.com.

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, NY

Vontade do dia- You can´t sit with us.

Storemags - Free Magazines Download in PDF for iPad/PC

Ar anos 60 e 70, influência francesa, olhando essas imagens publicadas na Jalouse em Dezembro não pude deixar de me inspirar. Como a tag “Vontade do dia” surgiu para dividir aqui o que estiver me seduzindo no momento, independente de ser atual ou não, optei por mostrar para vocês. O post da NYFW já está pronto, só não foi publicado ainda porque estou aguardando o último dia de desfiles (afinal, Marc Jacobs sabe agradar). Enquanto isso, já adianto que todas padronagens de xadrez serão fortes no Inverno 15/16 do hemisfério Norte, portanto este editorial já serve como premissa do que vem por aí.

Bolsas pequenas com alças longas, brincadeira com proporções e cabelos bagunçados. Dá até saudades das temperaturas mais amenas:

Storemags - Free Magazines Download in PDF for iPad/PC

Aqui, as franjas já buscando referência nos anos 70. Preparem-se que tons terrosos e camurça prometem inundar o próximo Verão, assim como o retorno inegável das sandálias gladiadoras:

Storemags - Free Magazines Download in PDF for iPad/PC

 

A W fez há alguns meses este editorial estrelado por Kate Moss e outras tops como Daria e Maria Carla, algumas das imagens mais cool já publicadas na revista.

w4

Looks all black imperam, na NYFW Alexander Wang fez uma coleção quase que exclusivamente de preto. No editorial, Mood punk para dar boas-vindas ao frio:

w

Vontade de sentar com elas.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Vontade do dia

Editorial- Julia Pereira para revista Donna.

donna1

Mais um trabalho que adorei fazer para revista Donna.

Conceito e fotografia: Fernando Rezende.

Beleza: Ana Ferrary.

Styling: Roberta Weber

Modelo: Julia Pereira.

donna4

 

donna2

 

donna3

 

donna5

A

DONNA6

Agradecimentos: Tissatt, Lybethras, C.MINDOV, Schutz, Fatima Mello.

Deixe um comentário

Arquivado em Trabalhos

O pre-fall 2015 da Balmain.

balmain Glamour já é uma palavra associada naturalmente à Balmain, mas o que ocorre quando Olivier Rousteing mergulha nos anos 70 é ainda mais impactante. Diferente da inspiração relax, com silhuetas mais amplas, tons claros e terrosos e denim que outros estilistas tem utilizado, na Balmain a era disco impera, sem esquecer dos excessos oitentistas que a maison vem referenciando há algum tempo.   balmain6 A cartela de cores de tons de pedras preciosas, babados combinados com peças mais secas, cintura bem marcada por cinturões e scarpin de bico fino com ponteira dão o clima. A mulher outonal da marca é extremamente sexy mesmo mostrando pouquíssima pele: balmain2 O dourado serve como fio condutor. O uso do veludo molhado, já clássico das coleções, continua: balmain3 Deixe para Olivier Rousteing  atualizar as famigeradas franjas em versão cascata, metalizadas e em canutilhos, mais rico impossível. O styling primoroso com sobreposições mil sem acrescentar volume também é inspirador: balmain7 Incorporando estampas abstratas e florais e desta forma se afastando um pouco das clássicas geométricas e do onipresente animal print, a marca oferece um update, mas sem perder sua essência: balmain4O vestido tem a silhueta Balmain, mas ganha nova cara devido à estampa alegre e a combinação com complementos brancos: balmain5 As campanhas de Verão da marca foram as minhas favoritas da temporada: balmain9   Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações

(Micro) Trend alerts- Couture.

micro

A semana de alta-costura começou, e como já expliquei aqui no site, a couture serve para inspirar e impulsionar o valor agregado das grandes maisons, já que o número de pessoas que tem acesso às peças é quase inexistente.

Sempre faço um pequeno resumo mostrando as tendências e melhores idéias para referências. Desta vez, decidi começar por dois mini alertas de tendência.

Preparem-se para ver por aí chapéus e acessórios de cabeça com véu. Giambattista Valli apresentou uma opção bem feminina ontem:

giamba

Hoje a Chanel foi para o lado mais street garantindo o hit da temporada, no styling com gorro. No desfile a cartela de cores do look era reproduzida no chapéu:

chanel2

chanel

Notem a mistura de preto com rosa claro em duas das fotos selecionadas, um lado rocker constrastando com delicadeza e leveza. Esta é a segunda micro tendência que acho valer a pena prestar atenção. Raf Simons fez a combinação juntando o floral com botas de latex:

dior

E Alexis Mabille, plumas e renda fecham a composição:

alexismabille

Mais uma de Giamba, além do rosa claro, saias mais armadas são outra promessa para a temporada de moda festa:

giamba3

Finalizando com mais uma do rosa pálido com black, desta vez na Chanel:

Chanel3

Em tempo, Galliano em sua estréia na Margiela optou por jóias como maquiagem criando uma máscara:

galliano

 

Cobrir uma parte do rosto parece obrigatório na temporada Verão 2015 da couture.

 Explicando a Alta-costura: A alta-costura é o topo da moda. O nome é protegido e só podem desfilar nesta semana os membros da”Chambre de commerce et d´industrie de Paris”. Os desfiles que são verdadeiros shows, movimentam milhões para as marcas de luxo, não vendendo as peças apresentadas (apenas 2.000.00 mulheres no mundo tem acesso à alta-costura, e somente 200 são clientes regulares), mas pela publicidade gerada em razão das celebridades nas primeiras filas e, principalmente pelas roupas impecáveis. A alta-costura vende o conceito da marca, os melhores tecidos possíveis, bordados inimagináveis, tudo feito em perfeição e maestria. As peças são todas feitas sob-medida para a cliente que geralmente precisa fazer 3 provas de roupa até recebê-la. Os perfumes, maquiagens, acessórios como bolsas e sapatos que sustentam financeiramente estas grandes marcas, mas a “Couture” sustenta o sonho.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Fashion Week, Microtrend

Editorial- “Diamantes para vestir”.

donna1

Neste Domingo (18/01), foi publicado mais um editorial com styling e conceito assinados por mim, na revista Donna do jornal Zero Hora. Desta vez, selecionei marcas gaúchas especializadas em couro, coincidentemente todas comandadas por mulheres: Tassia Ely, Bruna Rassier, Muy Guappa, Juliana Sanmartin, PP acessórios, C.Mindov.

O editorial foi clicado por Gabriel Not (Oroboro estúdio), beleza por Bianca Duarte, assistência de styling Flavia Bergallo e modelo Tamara Costa da Ford Models Sul.

donna2

donna4

donna3

donna6

donna1

donna5

donna5

donna4

donna3

donna2

 

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações, Trabalhos

Para inspirar- Joan Didion.

joan

Esta semana, Joan Didion foi anunciada como o novo rosto da Céline, substituindo Daria nas imagens. Muita gente falou no assunto, porque o fato de uma mulher idosa representar uma marca de moda tão cool e desejada como a Céline já é incrível por si só. Mas sabendo mais de Didion e seu trabalho, é impossível não sentir uma alegria intensa ao constatar a valorização do intelecto, da coragem e do estilo independente da idade ou “beleza padrão”.

Há algum tempo rolou o post “O resort da Céline e o feminismo de Phoebe Philo”, na época a designer declarou ao jornal Le Monde: “Meu trabalho não tem nada a ver com o físico de uma mulher, mas sim com seu poder. Meu trabalho é torná-las mais fortes novamente. Hoje em dia, a imagem é muito sexualizada e eu não gosto. Eu gosto da simplicidade que conforta. Eu quero ir contra a idéia que as mulheres estão sempre ocupadas querendo seduzir”. Portanto, a escolha de Didion é uma reafirmação da visão de Phoebe para Céline e para o guarda-roupa da mulher contemporânea.

Por muitos anos esta imagem da Joan ficou no meu painel de inspirações. Gostava da imagem e de algumas essays suas que havia lido por acaso, quando tivemos uma perda na família, comprei o livro “O ano do pensamento mágico” e então minha relação com ela foi para outro nível. Li praticamente toda a obra e recomendo muito! “Play as it lays” tem um lugar especial, mas não sei indicar por onde começar.

joan3

As fotos da escritora no carro, inspiraram campanhas da Céline e coleções de Philo antes do convite para a própria “modelar”:

joan4

Bem 70´s e no mood da temporada atual:

joan2

Para fechar, uma das minhas marcas favoritas da atualidade, a Saint Laurent de Hedi Slimane (confere posts sobre isso”Favoritos- A nova Saint Laurent” e  aqui) chamou Joni Mitchell para sua campanha musical que já incluiu Courtney Love, Marianne Faithfull e Daft Punk:

joni

(Bons) sinais dos tempos.

Fotos: Reprodução.

Deixe um comentário

Arquivado em Inspirações